Os “3” maiores desafios do Trabalho em Equipe

Se o trabalho em equipe é um desafio em projetos acadêmicos, imagine dentro de uma empresa. Além do cargo e de sua importância na corporação, cada profissional precisa executar tarefas e saber tomar decisões de forma compartilhada.

Isso porque as decisões e direcionamentos são realizados em grupo, porém alguns profissionais podem apresentar dificuldades no processo de realização de tarefas com outros profissionais.

Na maioria dos casos, os processos de trabalho em grupos dependem das relações existentes entre as pessoas. Todos devem colaborar de forma mútua para que cada profissional consiga realizar suas funções da melhor maneira.

A importância do trabalho em equipe

Quando uma empresa possui prazo apertado e grande fluxo de trabalho é comum ela organizar grupos de trabalho para agilizar a realização de cada tarefa.

O nível de dificuldade dependerá do contexto de cada empresa e seu mercado. Sabemos que há fatores que podem ser mais frequentes, enquanto que situações especiais ou inesperadas também podem surgir.

O trabalho em equipe pode ajudar a reduzir custos financeiros, de tempo e a reduzir a sobrecarga de trabalho.

O que pode atrapalhar?

O individualismo pode ser um fator que poderá atrapalhar sempre o processo de execução das tarefas. Querer atuar sempre de forma autônoma pode gerar divisão interna no grupo e quebrar o sentimento de colaboração entre todos.

Os principais desafios

A seguir apresentamos os três principais desafios a serem superados por todos que trabalham em equipe.

1 – Individualismo

Como descrevemos anteriormente, o individualismo é um tipo de comportamento que tem crescido muito recentemente. A tecnologia de comunicação no mundo digital tem incentivado as pessoas a serem cada vez mais individuais e distantes umas das outras.

Algumas tarefas podem ser executadas individualmente, porém, considerando o fluxo de uma empresa, ter equipes fortes é fundamental para a empresa alcançar seus objetivos reduzindo custos.

2 – Frustração

Em certos casos, determinada equipe pode não atingir o resultado esperado, ou a taxa de retorno esperada conforme o esforço que foi dedicado em todo o processo produtivo.

O sentimento de frustração é normal, porém é fundamental que a equipe possa revisar os pontos cruciais do projeto e melhorar as aplicações de cada ação.

3 – Falta de percepção da empresa

Além das pessoas e dos componentes do grupo cometerem erros, a própria empresa poderá errar em não perceber o valor de suas equipes, em não oferecer treinamento e até mesmo esquecer de compartilhar as responsabilidades.

Geralmente, esse erro começa no RH (Recursos Humanos) e no departamento de gestão.

Conflitos

Geralmente, o trabalho em equipe pode gerar conflitos como a não entrega de mapas de produção, de material ou de lentidão na pesquisa.

Conclusão

Normalmente, alguns gestores possuem a crença que se alguns profissionais se envolvessem mais, os erros e desafios não ocorreriam.

Desde a fase acadêmica, as dinâmicas em grupos deveriam ser mais aplicadas de forma criativa integrando a equipe. Por outro lado, as empresas deveriam oferecer mais capacitação para que os profissionais realizassem suas atividades da melhor forma.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: