Conheça os principais Ladrões de Produtividade na Logística

A produtividade na logística pode gerar vantagens competitivas e forças estratégicas para uma empresa crescer no mercado.

Porém, algumas corporações podem sofrer com a perda de produção qualitativa e quantitativa em relação aos concorrentes.

Lembramos que a área logística, a partir de uma visão resumida, cuida das etapas de aquisição de matéria-prima, desenvolvimento de insumos, planejamento de produção, produção, estoque, armazenamento, transporte, direcionamento para os setores atacadistas e varejistas, entrega ao consumidor, logística reversa e monitoramento de cada etapa concluída.

Existem empresas que não atuam em todas as etapas de um projeto logístico, mas, dependendo da área de atuação no mercado, é fundamental conhecer os principais passos para criar uma melhor cultura de produção de resultados.

Trata-se de um desafio para empresas pequenas, médias e de grande porte com atuação nacional ou em transações internacionais.

O que pode comprometer a produtividade na logística?

Geralmente, os bloqueios ou gargalos em linhas ou cadeias de produção e suprimentos, por exemplo, pode causar atrasos, perda de qualidade e queda nos resultados da empresa.

Essas situações também comprometem a expectativa do cliente final e dos demais parceiros estratégicos como fornecedores, colaboradores, consultores e distribuidores. Na ponta do projeto, também pode desestimular representantes de vendas e de serviços.

Os principais bloqueios

A seguir, apresentamos os principais bloqueios que podem comprometer todo um projeto focado para a logística.

1 - Transporte de cargas

Sabemos que a logística, apesar dos diferentes modais que podem ser utilizados, não é sinônimo apenas de transporte. Assim como relatamos na introdução, ela está ligada a diferentes etapas desde a matéria-prima até a entrega ao consumidor final, incluindo a logística reversa.

Porém, os serviços de uma transportadora, própria ou terceirizada, podem gerar ganho de tempo e qualidade ou a perda dos mesmos.

Além de fatores internos da empresa, os fatores externos como a qualidade das rodovias, portos, ferrovias, aeroportos e demais tipos de estruturas pode prejudicar a segurança e a efetividade do processo de retirada e entrega de material e produtos.

2 - A Cadeia de Suprimentos e os níveis de estoque

Quando uma empresa não revisa a sua cadeia de suprimento e não reavalia o fluxo de produção e abastecimento, ela pode perder força competitiva. Por outro lado, o excesso de produção e de estoque também pode elevar os gastos da empresa e gerar perdas quando o estoque, por exemplo, supera as expectativas de consumo do mercado.

A empresa e sua marca correm o risco de oscilar entre a falta do produto e o excesso dele em diferentes regiões do país quando não há um bom projeto de cadeia de suprimento e de administração de estoques.

3 - Altos custos operacionais e ausência de consultoria

A importância do Supply Chain ou gestão da cadeia pode exigir a presença de uma experiente consultoria na empresa. Sabemos que a logística pode gerar muitos gastos ao ser aplicada sobrecarregando o orçamento.

Quando os custos são mal calculados, podem atrapalhar na produtividade da empresa e, além de comprometer o setor logístico, prejudicar todos os demais setores operacionais, incluindo o setor de planejamento de vendas.

Pois, quando maior os custos de produção e distribuição, maior poderá ser o valor do preço final da mercadoria.

4 – Ausência de mão de obra qualificada

Em determinados casos, para reduzir gastos, algumas empresas optam por contratar mão de obra mais barata com baixa formação técnica ou acadêmica, porém esse tipo de redução de custo no capital humano poderá impactar em perdas em outros setores, a partir da incapacidade de alguns profissionais prejudicar a qualidade e a aplicação de projetos de grande porte.

É importante contratar o profissional certo, com a formação certa para executar um conjunto de atividades que contribuam com o crescimento da empresa.

Portanto, diferentes detalhes podem fazer a diferença no desenvolvimento de um projeto em logística, para isso, consulte mais informações em nosso blog, ou entre em contato conosco.

1 Comment

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: