A Importância da Análise SWOT no S&OP

A Análise SWOT (strengths, weaknesses, opportunities e threats) está envolvida com diferentes ações corporativas como Suply Chain, Logística, Cadeia de Suprimentos, Planejamento de Vendas, Consultoria de negócio e operações atreladas ao S&OP.

Em português, essa análise é traduzida como “análise FOFA”, sendo “FOFA” as iniciais de “Forças, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças”.

Por outro lado, a aplicação do S&OP representou uma ruptura dos processos de planejamento estratégico de negócio gerando inserção de troca de comunicação e dados entre as diferentes equipes de planejamento que atuam dentro de uma empresa.

Por sua vez, o S&OP (Sales and Operations Planning) pode ser traduzido como Planejamento de Vendas e Operações, e se refere a um processo que integra ações da administração e gestão empresarial.

Aplicações da análise SWOT

Através dessa ferramenta, a empresa pode gerar um melhor direcionamento de seu planejamento sobre o ambiente interno e externo da empresa, podendo identificar aspectos positivos e negativos que influenciam o seu mercado e suas decisões.

A aplicação dessa ferramenta visa a redução de risco de erros sobre a escolha de estratégias percebendo as reais forças e fraquezas da empresa e quais ameaças e oportunidades no ambiente externo podem alterar os caminhos da empresa, de sua marca e produtos.

Benefícios

A utilização dessa ferramenta gera grandes benefícios, como os seguintes:

  • Permite o desenvolvimento de estudo mais aprofundado sobre o ambiente interno e as probabilidades externas para a empresa;
  • Incentiva análise criteriosa da concorrência;
  • Aponta as melhores ações e atitudes que a empresa pode tomar;

Onde aplicar?

A análise SWOT ou matriz FOFA serve para ser aplicada em empresas de pequeno, médio ou grande porte e em diferentes segmentos de mercado, principalmente, para auxiliar procedimentos de tomada de decisão.

Processos S&OP

Aliada a este tipo de análise, podemos inserir também as etapas do S&OP. Os principais passos são:

1 - Atualização de dados

Na primeira fase de inserção do S&OP, precisamos realizar a atualização dos arquivos com os dados em relação ao período anterior relativos a volumes de compra, níveis de estoques e valores financeiros sob a responsabilidade da área comercial da empresa.

Posteriormente, é realizada uma atualização dos arquivos de forma constante para também gerar previsões para a equipe comercial.

2 – Planejando a demanda

O segundo passo é referente à criação de um plano relacionado ao consumo de recursos na empresa que deve considerar informações quantitativas e qualitativas como histórico de dados, dados de mercado e situações fora do comum.

3 - Planejamento de produção e suprimentos

Nesta terceira etapa, listamos no projeto quais insumos e suprimentos são indispensáveis para as vendas previstas.

Essa ação poderá depender de avaliação dos níveis desejados de estoques e conhecimento da linha de produtos da empresa.

Ambiente interno e externo

Tanto a análise SWOT quanto o S&OP podem ajudar a detalhar os riscos e oportunidades para a empresa.

Quando falamos em ambiente externo nos referimos aos fatores concorrenciais, fluxo de mercadoria disponível na praça, taxa de crescimento econômico do país e das economias globais, atitudes de governos e outros fatores que formam a sociedade e o mercado.

O ambiente interno tem a ver com a política interna da empresa, suas práticas, projetos e potencial criativo para o desenvolvimento de produtos e serviços.

Veja também: Consultoria em S&OP para empresas - Indicado para empresas com ineficiências como o excesso de produção, falta de produto acabado requerido pelo cliente, falta de matéria prima, falta de capacidade de produção, falta de capacidade do armazém, desbalanceamento dos estoques, problemas financeiros com excesso de capital aplicado em estoques.

Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: